academia.jpg

Academia de Orquestra

A Academia de Orquestra tem como principal missão a formação dos jovens mais talentosos do país na sua atividade orquestral mas sobretudo incutir nestes jovens uma nova visão criativa. Os jovens academistas serão sobretudo estimulados a desenvolver novos projetos e criações artísticas, num quadro mais adequado às tendências estéticas da atualidade. Os jovens academistas poderão ser os principais “braços” do projeto Discovery.

A Orquestra Académica Filarmónica

  • Músicos selecionados por concurso nacional, realizado todos os anos no mês de Dezembro.
  • O concurso é anunciado com um mês de antecedência na imprensa, site da OFP e nas redes sociais.
  • O número de Academistas irá oscilar entre 55 e 65 músicos em função dos  programas e conteúdos programáticos de cada ano.
  • A sede da Orquestra Académica Filarmónica está fixada em Viseu, local onde decorrerão os ensaios e trabalhos de operacionalidade da estrutura.
  • Os músicos devem estar disponíveis nas férias da Páscoa e de Verão para a realização de ensaios e concertos em todo o país e estrangeiro.
  • Os locais dos concertos serão anunciados em cada ano, estando previstas apresentações nas principais salas do país.
  • A direção artística está a cargo do maestro Osvaldo Ferreira e de professores contratados para os trabalhos de pré-preparação, audições e ensaios.  
  • Serão convidados solistas de prestígio internacional que atuarão também em masterclass para os jovens integrantes da OAF.